Grande maioria de americanos acredita que seu país vai mal

Os americanos registram um recorde de pessimismo como se observa nos 81% de entrevistados que acham que seu país está indo por um mau caminho, segundo uma pesquisa publicada nesta sexta-feira pelo New York Times/CBS.

AFP |

O índice de pessoas que acreditam que "os Estados Unidos estão seguindo por um mau caminho" era de 69% há um ano e de 35% no início de 2002, destaca o NYT, que realiza com regularidade essa pesquisa.

Segundo o jornal, essa taxa de pessimismo nunca havia estado tão elevada desde o início dos anos 90.

Se anteriormente a guerra do Iraque contribuiu amplamente para debilitar a moral dos americanos desde 2003, agora é a economia que está no centro das preocupações: somente 21% acredita que a economia em seu conjunto vai bem e duas em cada três pessoas acreditam que o país está em recessão.

Apesar do forte pessimismo sobre a economia do país, 72% dos americanos dizem que sua situação financeira melhorou, contra 27% que pensam o contrário.

Diante da guerra do Iraque e da recessão econômica, a popularidade de George W. Bush continua muito ruim, com apenas 28% das pessoas interrogadas afirmando que o presidente americano faz um bom trabalho.

Em relação à crise imobiliária e as dificuldades do sistema financeiro provocadas por ela, a sondagem indica que os americanos responsabilizam as instituições a cargo da regulação (40%), organismos de crédito (28%) e de empréstimos (14%).

Essa pesquisa do New York Times/CBS foi feita por telefone de 28 de março a 2 de abril com 1.368 pessoas e tem uma margem de erro de 3%.

ces/fb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG