Grã-Bretanha: Otan acredita que Rússia violou lei internacional

LONDRES (Reuters) - O ministro de Relações Exteriores da Grã-Bretanha, David Miliband, disse que os aliados da Otan concordaram em sua reunião de emergência na terça-feira que a Rússia violou a lei internacional ao fazer uma incursão militar na Geórgia. Falando depois da reunião, em Bruxelas, Miliband disse à Sky Television: Não houve divisões hoje. Para os membros da Otan, está claro que a Rússia violou a lei internacional assim como as regras do jogo internacional.

Reuters |

Meses de tensão entre a Geórgia e a Rússia acabaram em guerra em 7 de agosto, quando Tbilisi tentou recuperar o controle da região separatista da Ossétia do Sul.

A Rússia, que apóia os separatistas, lançou um contra-ataque que se estendeu a mais áreas do território georgiano.

Miliband disse que a Rússia deve entender as consequências de suas ações. 'A Rússia falhou em cumprir com seus compromissos e isso tem sérias consequências para a confiança que depositamos na Rússia como parceiro internacional', disse.

(Por Kate Kelland)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG