Grã-Bretanha irá ratificar Tratado de Lisboa mesmo se Irlanda recusar

A Grã-Bretanha pretende manter seu processo de ratificação parlamentar do Tratado europeu de Lisboa, inclusive se o não se impor no referendo desta quinta-feira na Irlanda, indicou uma fonte diplomática britânica à AFP.

AFP |

"Nossa intenção é continuar tal como previsto" com o processo de ratificação, com o exame do novo tratado europeu programado para a semana que vem na Câmara dos Lordes, indicou essa fonte.

Sob o olhar apreensivo de 500 milhões de europeus, três milhões de irlandeses votam nesta quinta em um referendo sobre o Tratado de Lisboa, que se for rejeitado poderá deixar o continente paralisado.

A Irlanda, com 4,2 milhões de habitantes, é o único país que está obrigado pela sua Constituição a se pronunciar sobre o documento por referendo.

Os outros 126 países da União Européia podem adotá-lo por ratificação parlamentar, como já fizeram 18 deles, entre eles Finlândia, Estônia e Grécia.

ylf/fb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG