Grã-Bretanha adota nova Constituição para as Ilhas Falkland

A Grã-Bretanha adotou uma nova Constituição para as Ilhas Falklands (Malvinas para os argentinos), que reforça a democracia local, apesar de manter os poderes de Londres para proteger seus interesses, anunciou o Foreign Office.

AFP |

A nova Constituição, que entrará em vigor em 1º de janeiro em substituição à de 1985, fortalece a democracia local, mas "conserva suficientes poderes para que o governo britânico proteja os interesses britânicos".

"O que não muda é o compromisso global do governo britânico com as Ilhas como um Território de Ultramar", afirmou a vice-chanceler Gillain Merron.

mt/cn/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG