Governo peruano diz que terá prioridade do Brasil em compra de aviões

Lima, 20 dez (EFE).- O Brasil ofereceu ao Governo do Peru a prioridade para que concretize a compra de dois aviões Super Tucano destinados à luta contra o narcoterrorismo, declarou hoje o ministro da Defesa peruano, Rafael Rey.

EFE |

"Há uma disposição do Governo brasileiro de nos ceder a prioridade de dois aviões", ressaltou o ministro, em declarações à agência de notícias estatal "Andina".

Rey disse que já foram iniciadas as conversas com o ministro da Defesa, Nelson Jobim. A primeira delas aconteceu na visita oficial do próprio Jobim ao Peru, junto ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no início do mês.

Segundo o ministro peruano, seu país precisa comprar um total de quatro aviões Super Tucano, construídos pela Embraer, mas tem que definir o equipamento técnico necessário pelas Forças Armadas peruanas para as aeronaves.

"É preciso estabelecer se os dois aviões estão de acordo com um equipamento específico, que é o que necessitamos", acrescentou Rey, que lembrou que também falta definir as condições para o financiamento da compra.

Rey assinalou que os Super Tucano serão destinados a combater os grupos remanescentes do Sendero Luminoso, que se deslocam pelo vale dos rios Apurímac e Jan e dão segurança às máfias do narcotráfico.

EFE mmr/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG