desproporcional da força - Mundo - iG" /

Governo malaio critica Israel pelo uso desproporcional da força

Kuala Lumpur, 29 dez (EFE).- O Governo da Malásia criticou hoje Israel pelo emprego desproporcional da força militar em sua ofensiva contra a Faixa de Gaza, e alertou do risco que os ataques produzam uma catástrofe humanitária.

EFE |

"A Malásia deplora o uso desproporcional do poderio militar de Israel contra o povo de Gaza", disse o primeiro-ministro malaio, Abdulla Badawi, em comunicado.

Em sua nota, o chefe do Governo malaio pediu que se restaure imediatamente o cessar-fogo e que seja respeitado pelas partes.

"É preciso uma catástrofe humanitária a qualquer custo. A violência deve parar imediatamente", disse.

A Malásia, país de maioria muçulmana, é um aliado da causa palestina e freqüentemente critica a política de Israel.

Ao redor de 300 palestinos morreram e mais de 900 se encontram feridos, 180 deles gravemente, desde que começou a ofensiva israelense na manhã do sábado, segundo o serviço de Emergência e Ambulâncias do Ministério da Saúde em Gaza. EFE lol/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG