Roma, 8 mai (EFE).- O Executivo italiano criará um Ministério da Saúde, segundo comunicado divulgado hoje pela Presidência do Governo ao término do Conselho de Ministros.

Na reunião foi aprovado um projeto de lei para a formação deste novo departamento, proposto pelo primeiro-ministro Silvio Berlusconi.

Até agora, esta área estava englobada dentro do Ministério do Trabalho, Saúde e Políticas Sociais, dirigido por Maurizio Sacconi.

Ao mesmo tempo, o Executivo italiano aprovou a nomeação de um vice-ministro de Saúde, que será o até agora subsecretário de Saúde, Ferruccio Fazio. EFE if/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.