Governo iraquiano aprova acordo de retirada americana para o fim de 2011

O governo do Iraque aprovou neste domingo o acordo de segurança com os Estados Unidos que prevê a retirada completa das tropas americanas até o fim de 2011, informou uma fonte oficial.

AFP |

O acordo foi aprovado por 28 dos 38 ministros reunidos em um conselho, incluindo o primeiro-ministro Nuri al-Maliki, ao fim de um encontro que durou mais de duas horas e meia.

A aprovação exigia uma maioria de dois terços.

O texto vira assim um projeto de lei e será apresentado ao Parlamento, que pode aprobar o mesmo com maioria simples.

Bagdá e Washington negociaram duramente nos últimos meses para fechar um acordo sobre o estatuto dos mais de 150.000 soldados americanos presentes em quase 400 bases no país árabe.

O acordo é mais que necessário, já que o atual mandato da ONU que regula a presença destas tropas expira em 31 de dezembro.

O principal negociador iraquiano, Muafaq al-Rubai, afirmou à AFP na sexta-feira que considerava o rascunho aprovado neste domingo "um texto muito bom".

"Este texto garantirá a completa, total e irrevogável soberania do Iraque", disse Rubai, que também é conselheiro nacional de segurança.

A Casa Branca também descreveu na sexta-feira o texto como "um bom acordo", conveniente para os dois países.

O acordo inclui 31 artigos e estipula uma retirada das tropas americanas presentes nas cidades em junho de 2009, com uma retirada completa ao fim de 2011.

sf/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG