Londres, 10 jul (EFE).- O Ministério da Defesa do Reino Unido aceitou indenizar em 2,83 milhões de libras (3,5 milhões de euros) um grupo de iraquianos torturados por militares britânicos em Basra, no sul do Iraque, em 2003, informaram hoje os advogados das vítimas.

EFE ep/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.