Governo e oposição chegam a acordo sobre governo de coalizão no Quênia

O presidente do Quênia, Mwai Kibaki, e o líder da oposição, Raila Odinga, concluíram um acordo sobre a composição de um governo de coalizão que será anunciado domingo, informaram fontes diplomáticas e políticas quenianas.

AFP |

"Nos informaram que um acordo sobre o governo foi concluído e esperamos um anúncio amanhã (domingo)", declarou à AFP um diplomata ocidental em Nairóbi que pediu anonimato.

"Os dois dirigentes tiveram reuniões hoje (sábado) e chegaram a um acordo sobre um novo governo de coalizão que será anunciado amanhã (domingo) ao meio-dia", declarou um político queniano que também solicitou anonimato.

As negociações sobre a formação do governo esbarravam até o momento na distribuição dos ministérios entre os dois lados.

Com a mediação do ex-secretário-geral da ONU Kofi Annan, Kibaki e Odinga fecharam o acordo para formar um governo de coalizão no dia 28 de fevereiro que permitiria tirar o país da crise pós-eleitoral, que deixou um saldo de mais de 1.500 mortos e 300.000 deslocados.

O acordo foi ratificado pelo Parlamento em 18 de março.

A oposição não aceitou os resultados das eleições presidenciais de 27 de dezembro, que terminaram com a reeleição de Kibaki e afundaram o país em uma crise política sem precedentes.

bkb-mc/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG