Governo destitui governador da província afegã de Kandahar

Cabul, 4 dez (EFE).- O governador da província afegã de Kandahar, Rahmatullah Raufi, foi destituído do cargo segundo ele próprio confirmou hoje à Agência Efe, ao viajar para a capital Cabul à espera de novas instruções governamentais.

EFE |

Apesar de ele dizer que desconhecia o motivo de sua cassação, diferentes meios de comunicação afegãos especulam a possibilidade que ela se deva a suas diferenças com o chefe do Conselho provincial de Kandahar, Ahmed Wali Karzai, irmão do presidente Hamid Karzai.

Ahmed Wali Karzai foi objeto de controvérsia em 4 de outubro, depois que dois altos funcionários de seu Governo disseram ao jornal americano "The New York Times" que a Casa Branca suspeitava do envolvimento do irmão do presidente em um caso de tráfico de drogas.

Isto foi negado por Humayun Hamidzada, secretário de imprensa do conselheiro provincial.

Kandahar, no sul do Afeganistão, é uma das províncias mais conflituosas do país; e local de uma dos mais importantes quartéis-generais dos talibãs.

No Afeganistão morreram neste ano mais de 4,5 mil pessoas vítimas da violência. EFE jrc/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG