Governo da Bolívia lança jornal estatal diário

LA PAZ - O governo de esquerda da Bolívia anunciou no domingo o lançamento de um jornal estatal diário, que deve ser publicado a partir deste mês.

Reuters |

Desde que assumiu o cargo, em 2006, o presidente Evo Morales já nacionalizou a energia, a mineração e as telecomunicações. Também pretende criar estatais para os setores aéreo, de cimento e de açúcar.

"O Estado terá seu próprio jornal, e eu já disse à equipe de imprensa que devemos lançá-lo até 22 de janeiro", disse Morales, segundo a agência estatal de notícias ABI.

Em entrevista por rádio, Morales acusou parte da imprensa local de atacar seu governo gratuitamente, e afirmou que a missão do novo jornal será "recolher a verdade", disse a ABI.

A data escolhida para o lançamento do jornal coincide com o terceiro aniversário da posse de Morales, primeiro indígena a governar a Bolívia.

No mês passado, Morales ameaçou cancelar as entrevistas coletivas a jornalistas locais, alegando que a maioria das rádios, TVs e jornais privados tenta macular sua imagem. O presidente também já manifestou desprezo por repórteres que, segundo ele, agem como fantoches de empresários das comunicações alinhados com a oposição de direita.

"Abuso"

A Associação Nacional de Jornalistas disse no final de 2008 que algumas declarações de Morales contra a mídia são uma forma de "abuso verbal".

O presidente também planeja criar, com ajuda dos aliados Venezuela e Irã, um canal de TV voltado para sindicatos e grupos indígenas, segundo a ABI. O governo já controla uma agência de notícias, uma TV, um semanário e uma rede de rádios.

Leia mais sobre Bolívia

    Leia tudo sobre: bolívia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG