Governo britânico se mostra preocupado com programa nuclear iraniano

Londres, 7 out (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores do Reino Unido, David Miliband, afirmou hoje que o Governo de Londres continua muito preocupado com as ambições nucleares do Irã e com seu histórico no campo dos direitos humanos.

EFE |

Miliband afirmou que o programa de enriquecimento de urânio de Teerã é "um grave perigo não apenas para a estabilidade da região, mas de todo o mundo".

"Estamos fazendo uma oferta séria ao Irã para cooperação econômica, cultural e científica, que acredito que é o caminho a seguir", declarou o líder da diplomacia britânica em um debate na Câmara dos Comuns.

"Entretanto, não é o caminho a seguir enquanto continuem desafiando não apenas ao Conselho de Segurança da ONU, mas também a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA)", acrescentou.

As declarações de Miliband foram dadas após fontes oficiais informarem na última segunda em Teerã que o Irã enviou hoje ao chefe da diplomacia européia, Javier Solana, uma carta na qual pede que nas negociações sobre o programa nuclear iraniano prevaleça a lógica ao invés das pressões.

As cinco potências nucleares (EUA, Rússia, França, o Reino Unido e China), além da Alemanha, ofereceram ao Irã uma série de incentivos para que suspenda seu programa de enriquecimento, perante o temor de que esconda intenções de alcançar armas atômicas.

A proposta foi lançada no dia 14 de junho, e apesar das comunicações mantidas desde então não se chegou a nenhum acordo, o que fez com que vários países ocidentais ameacem com novas sanções econômicas contra o Governo de Teerã. EFE ep/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG