Governo boliviano diz que opositor quer fugir para os EUA

(repete envio com alteração no título) La Paz, 13 ago (EFE).- O Governo boliviano afirmou hoje que o governador do departamento (estado) de Cochabamba, o opositor Manfred Reyes Villa, quer fugir do país, o que foi negado por um porta-voz dessa autoridade.

EFE |

O vice-ministro da Justiça da Bolívia, Wilfredo Chávez, disse à Agência Efe que a viagem que o governador Reyes Villa anunciou que faria à Organização dos Estados Americanos (OEA), em Washington, é para "escapar", "fugir de sua responsabilidade" e "não dar contas" de sua gestão.

No entanto, um porta-voz de Reyes Villa, que perdeu seu mandato no referendo de domingo e renunciou ao cargo, disse, em comunicado, que "o governador regional não tem uma só razão para fugir do país" e deixou seu cargo na terça-feira "por vontade própria e para pacificar sua região".

Segundo a apuração provisória da Corte Nacional Eleitoral (CNE), o mandato de Reyes Villa foi revogado por 64% dos eleitores de Cochabamba.

Para o vice-ministro da Justiça, é dever de "qualquer autoridade que deixa seu cargo entregar o escritório de maneira limpa, honesta, com as contas claras, que é o que Reyes Villa não está fazendo".

"Ele está fugindo", disse Chávez ao comparar a Reyes Villa ao ex-presidente Gonzalo Sánchez de Lozada, que em 2003 fugiu para os EUA após renunciar.

Segundo o vice-ministro, Reyes Villa anunciou que iria aos EUA denunciar à OEA a suposta ilegalidade do cancelamento de seu mandato, mas, na verdade, pretende deixar a Bolívia.

A esse respeito, o porta-voz do ex-governador disse que a intenção deste é enviar uma missão à OEA para apresentar suas denúncias, mas não deixar o país, do qual sequer saiu.

"Manfred não deixou o país nem se resignará em sua luta para fazer valer a Constituição, mas sai pelo portão principal do Governo de Cochabamba para garantir uma transição pacífica", disse o funcionário. EFE az/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG