Governo anuncia resgate de mais um corpo em enchentes na Madeira

Lisboa, 26 fev (EFE).- As autoridades da ilha da Madeira (Portugal) anunciaram hoje o resgate de mais um corpo vítima das enchentes de sábado passado na ilha, confirmando 42 mortes até o momento na região, onde voltou a chover e algumas casas foram desalojadas em zonas de risco.

EFE |

O prefeito de Funchal (capital do arquipélago da Madeira), Miguel Albuquerque, disse que o corpo resgatado hoje é de uma pessoa dada como desaparecida em sua cidade, onde morreram no total 32 das vítimas da tragédia.

O Governo regional do arquipélago já tinha anunciado no domingo passado sobre a morte 42 pessoas. Na terça-feira, contudo, após a descoberta de vários corpos que não elevaram o número oficial de vítimas, o Governo esclareceu que os corpos encontrados até então eram apenas 39.

As autoridades asseguraram que tinham feito uma "estimativa" superior de vítimas e que o balanço final podia ser ainda maior.

Albuquerque indicou que 28 famílias dos bairros de Monte e Santo Antonio, muito afetados pelas enchentes, tinham sido desalojadas de suas casas por causa das chuvas e do forte vento esperados para esta noite na ilha. EFE ecs/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG