Governo americano não renovará contrato da Blackwater no Iraque

Washington, 30 jan (EFE).- O Governo dos Estados Unidos não renovará o contrato alocado à empresa de segurança privada Blackwater Wordlwide para proteger seu pessoal diplomático destinado no Iraque quando este expirar, em maio, disseram hoje fontes oficiais.

EFE |

O Departamento de Estado tomou a decisão depois que, no dia 23 de janeiro, o Iraque notificou à embaixada dos EUA em Bagdá que não renovará a permissão à Blackwater para poder operar no país, disse um alto funcionário do Governo.

A fonte explicou que a decisão do Departamento de Estado toma como base o fato de que, "se não há licença, não há renovação", segundo recolhe a emissora "CNN" em sua edição digital.

Se a Blackwater "não tem uma licença para operar, certamente não podemos renovar" a missão, destacou o funcionário.

A decisão do Governo de não renovar o contrato da empresa de segurança privada no Iraque não afeta as adjudicações que a Blackwater fez em outras partes do mundo para proteger os diplomatas americanos, acrescentou a fonte.

O alto funcionário falou sob a condição do anonimato, porque o Departamento de Estado ainda não anunciou sua decisão e a versão oficial é a de que está avaliando as opções para poder continuar protegendo seu pessoal no Iraque.

Os EUA possuem três empresas de segurança privada no Iraque: Triple Canopy, DYNCorp e Blackwater, sob um contrato avaliado em quase US$ 2 bilhões conquistado pelo Governo em 2005.

Desde então, a Blackwater se viu envolvida em diversos incidentes no Iraque, entre eles um ocorrido em setembro de 2007, quando um grupo de agentes atirou em civis que estavam em uma praça, matando 17 e ferindo 27 pessoas. EFE cae/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG