Governo americano aumenta controle migratório nas prisões

O governo americano está aumentando os controles para determinar o estatuto migratório dos réus nas prisões do país, o que pode levar a um aumento das deportações, informa o jornal Washington Post.

AFP |

As autoridades estão verificando as impressões digitais de seus réus com a informação disponível nos bancos de dados federais, para localizar ilegais que possam ser deportados antes de serem libertados.

Os responsáveis peloo programa calculam que, se pegarem as impressões digitais das 14 milhões de pessoas que passam pelas prisões locais, por todo tipo de crimes, podem ser identificados 1,4 milhão de ilegais.

Este ano serão registradas as impressões de quase um milhão de réus locais. Este programa já se aplica às prisões estaduais e federais.

O programa foi iniciado em outubro passado, sob a presidência de George W. Bush, e o presidente Barack Obama pediu um aumento este ano de seu orçamento ao Congresso, de 30%, a 200 milhões de dólares.

Mais de 72% dos hispânicos condenados em 2007 em cortes federais nos Estados Unidos estavam ilegalmente no país, segundo um relatório recente do centro Pew Hispanic Center.

jz/lm/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG