Governo alemão confirma libertação de dois reféns na Nigéria

Berlim, 15 ago (EFE).- O Ministério de Assuntos Exteriores da Alemanha confirmou hoje a libertação dos dois engenheiros alemães que tinham sido seqüestrados em julho último no sul da Nigéria.

EFE |

Os engenheiros Jürgen Vetten, de 43 anos, e Bernd Mechlen, de 60, se encontram "bem dentro do que permitem as circunstâncias", afirmou um porta-voz no ministério alemão.

Com isso, a pasta confirmou uma informação antecipada ontem pelo principal grupo rebelde da Nigéria, o Movimento para a Emancipação do Delta do Níger (Mend, em inglês).

O Mend anunciou o resgate dos dois alemães, que tinham sido seqüestrados por outra organização armada no sul do país.

Segundo comunicado divulgado pelo grupo, os rebeldes decidiram libertar os alemães porque Mechlen tinha sofrido uma lesão na coluna vertebral ao ser seqüestrado e necessitava de atendimento médico.

O seqüestro dos dois empregados da Julius Berger, subsidiária da empresa alemã Bilfinger Berger, ocorreu em 11 de julho, enquanto as vítimas inspecionavam trabalhos em uma estrada da localidade de Emohua, cerca de 15 quilômetros a noroeste de Port Harcourt, capital do estado de Rivers. EFE ih/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG