Governadora do Arizona sanciona lei que criminaliza imigração ilegal

Washington, 23 abr (EFE).- A governadora republicana do Arizona, Jane Brewer, desafiou hoje os protestos e as críticas, incluindo a do presidente americano, Barack Obama, e sancionou uma lei que transforma em crime a imigração ilegal em seu estado.

EFE |

A medida permite que a Polícia prenda qualquer pessoa caso tenha alguma "suspeita razoável" de que se trate de um imigrante ilegal, o que, na opinião de seus críticos, abre o caminho para a discriminação racial.

Para quem apoia a medida, no entanto, isto tornará mais possível controlar a imigração ilegal em um estado onde há mais de 460 mil ilegais, em sua maioria mexicanos.

A iniciativa, que entrará em vigor no final deste ano, também estabelece sanções contra quem empregar imigrantes ilegais ou facilitar sua vida no estado.

"É uma arma a mais para enfrentar um problema que o Governo federal se negou a resolver", disse a governadora republicana, ao assinar a medida.

Jane disse que a lei servirá para proteger todos os residentes do estado, não só da imigração ilegal, mas também da atividade dos cartéis da droga que operam através da fronteira com o México.

A governadora assinou a lei enquanto em frente à sede do Capitólio centenas de manifestantes protestavam contra a iniciativa, que, poucas horas antes, Obama tinha qualificado de "mal encaminhada".

Já a presidente do Conselho Nacional da Raça (NCLR), Janet Murguía, disse que este é "um dia triste" para o povo do Arizona e para todo o país.

"Estamos extremamente decepcionados porque a governadora Brewer preferiu a politicagem acima da política razoável", acrescentou. EFE ojl/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG