Doze ou treze pessoas foram mortas nesta sexta-feira em uma tomada de reféns no estado de Nova York, disse o governador David Paterson.

Em declaração transmitida pela TV, Paterson confirmou as informações jornalísticas que indicavam 12 ou 13 mortos, e acrescentou: "esta é uma situação espantosa".

jkb/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.