Nova York, 23 mai (EFE).- O governador de Nova York, o democrata David Paterson, voltou hoje a passar por uma cirurgia oftalmológica preventiva a laser, devido ao risco de desenvolver um glaucoma.

O gabinete do governador informou hoje que a operação, a segunda realizada esta semana, aconteceu no começo da manhã, no hospital Mount Sinai.

Na terça-feira, depois de ter sido internado por causa de fortes dores de cabeça, Paterson, que é praticamente cego, se submeteu a uma iridotomia para tratar de um glaucoma no olho esquerdo.

Após a operação, os médicos disseram que, nos dias subseqüentes, ele passaria por uma outra intervenção cirúrgica, no olho direito, para evitar perdas maiores na visão.

Um porta-voz oficial informou que Paterson já está em casa e aproveitará o fim de semana prolongado nos Estados Unidos - por canta de um feriado na segunda-feira - para se recuperar.

O político, que em março substituiu no cargo Eliot Spitzer - envolvido em um escândalo sexual -, é o primeiro governador afro-americano cego do estado de Nova York.

Em 2007, Paterson, que joga basquete e já até disputou a maratona de Nova York, foi hospitalizado após desmaiar em um vôo para Búfalo (EUA).

Na ocasião, o então vice-governador do estado de Nova York recebeu oxigênio quando o avião aterrissou e foi levado para um hospital para se submeter a exames. EFE emm/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.