Governador chinês do Tibete quer mais forças de segurança

O Tibete precisa de mais forças de segurança, anunciou o governador da região, Qiangba Puncog, que mencionou a possibilidade de distúrbios.

AFP |

"Nossas forças não são suficientes, muitos distritos não têm delegacias de polícia, o Tibete é imenso, é necessário um aumento apropriado", afirmou o governador em uma entrevista coletiva em Pequim.

"Pedimos mais (agentes) para a polícia armada, a polícia e a segurança", afirmou o governador, antes de alertar que "podem explodir novos incidentes promovidos pela 'camarilha' do Dalai Lama".

A China teme que na próxima semana aconteçam incidentes na região himalaia por ocasião dos 50 anos da revolta contra Pequim que terminou com a fuga para o exílio do Dalai Lama.

sai-pt/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG