Gordura trans pode duplicar risco de câncer de mama, diz estudo

Paris, 11 abr (EFE).- Mulheres com elevados níveis de gordura trans vinculados ao consumo de doces recheados, batatas fritas, massas e pizzas têm duas vezes mais chances de desenvolver câncer de mama, segundo um estudo divulgado hoje.

EFE |

Em um comunicado, o Instituto de Oncologia Gustave Roussy e o Instituto Nacional de Saúde e Pesquisa Médica da França (Inserm) também informaram que, na pesquisa que conduziram, não foram encontradas evidências de que os ácidos graxos poliinsaturados ômega-3 presentes em alguns tipos de pescado previnem esse tipo de câncer, o mais comum entre as mulheres.

Os pesquisadores, que basearam seu trabalho em amostras de sangue coletadas entre 1995 e 1998, concluíram que "o risco de câncer de mama aumenta com o nível de gordura trans".

Durante o estudo, os cientistas compararam o sangue de 363 mulheres que desenvolveram câncer de mama com amostras do grupo de controle.

Constatado que as chances de a doença surgir são duas vezes maiores em mulheres com elevado nível de gordura trans no organismo, os autores da pesquisa ressaltaram que, "por enquanto", não podem fazer mais que "recomendar a redução do consumo de produtos manufaturados, fonte de ácidos graxos trans de origem industrial".

"Particularmente, seria conveniente limitar os processos industriais" que os geram e que ainda são utilizados, ou seja, impor barreira à utilização de óleos vegetais parcialmente hidrogenados, algo que já vem sendo feito na Dinamarca há alguns anos, acrescentaram.

Os cientistas também disseram que as regras de rotulagem deveriam determinar a indicação precisa da quantidade de gordura trans nos produtos com essa substância.

Os responsáveis pelo estudo coincidiram ainda com o consenso de outros colegas europeus e americanos de que uma alimentação rica em pescados com ácidos graxos ômega-3 não tem relação alguma com menores chances de se desenvolver câncer. EFE ac/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG