Gordon Brown celebra um ano no poder com popularidade em baixa

O primeiro-ministro britânico Gordon Brown recebeu um presente amargo por ocasião de seu primeiro aniversário no poder: uma humilhante derrota em uma eleição parcial e pesquisas que indicam que 60% dos eleitores acham que ele é um obstáculo para o Partido Trabalhista.

AFP |

Há um ano, Brown despertava expectativas ao substituir, sem passar pelas urnas, um desprestigiado Tony Blair. Doze meses depois, sua popularidade está em baixa e as dúvidas sobre sua capacidade de superar a crise econômica e o desgaste político dos trabalhistas estão em alta.

Brown acordou nesta sexta-feira com a notícia de que seu partido ficou em quinto lugar numa eleição legislativa parcial em Hensley, perto de Oxford (oeste de Londres).

Este resultado confirma e agrava o das eleições locais de 1º de maio, quando os trabalhistas ficaram atrás dos conservadores e dos liberais democratas nas eleições da Inglaterra e Gales, e, inclusive, perderam uma das jóias da coroa: a prefeitura de Londres, que passou para os tories.

Para piorar mais o clima do aniversário, uma pesquisa revela que os conservadores têm 18 pontos de vantagem sobre os trabalhistas nas intenções de voto (46% a 28%). Segundo a pesquisa de Daily Telegraph, 61% dos britânicos acham que Brown agora é um 'peso eleitoral' para seu partido.

ame/it/cn/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG