perestroika aos EUA - Mundo - iG" /

Gorbachov diz que Obama levará uma perestroika aos EUA

Moscou, 5 nov (EFE).- O ex-presidente da União Soviética Mikhail Gorbachov se mostrou convencido hoje de que a vitória do democrata Barack Obama nas eleições presidenciais dos Estados Unidos levará os americanos a mudanças positivas, inclusive nas relações com a Rússia.

EFE |

Gorbachov afirmou que "não é por acaso que todo mundo ficou atento às eleições, incluindo a Rússia" e frisou que "isso reflete a esperança de que a chegada de uma nova administração trará consigo mudanças".

"Estou muito contente. Há dois ou três anos disse que os EUA precisavam de sua 'perestroika', e o que eu dizia foi sempre recebido com grande aceitação nos EUA", disse o ex-líder em declarações à agência oficial de notícias russa "Itar-Tass".

O ex-líder soviético afirmou que o próprio país entende agora a necessidade de mudanças e acrescentou que se filas foram formadas nos colégios eleitorais é porque "os eleitores participaram do pleito com a certeza de que haveria mudanças".

Gorbachov destacou que nem o adversário mais experiente nem a cor de sua pele foram obstáculo para Obama.

"Obama mostrou o lado mais forte dos EUA. Trata-se do primeiro candidato negro. Além disso, é uma lição para os demais, para dizer a verdade, uma lição americana. Falando em geral, do ponto de vista da democracia, essas eleições foram uma aula magistral", afirmou.

O ex-líder soviético comentou que as perspectivas da futura perestroika americana ficarão claras já em novembro, durante a reunião dos chefes de Estado e ministros de Finanças do G20, que reúne países emergente e desenvolvidos.

Gorbachov pediu que a nova Administração americana "não se precipite" e "não ameace ninguém". EFE egw/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG