Google vai lançar o próprio sistema operacional

O Google, líder na área de buscas na internet, anunciou na terça-feira à noite que vai lançar o próprio sistema operacional para PC, em mais um passo na batalha contra a gigante Microsoft.

AFP |

"Estamos anunciando um novo projeto", afirma a empresa com sede na Califórnia em seu blog oficial, no qual revela que o sistema operacional ficará dentro do navegador Google Chrome.

Será um sistema operacional aberto destinado em um primeiro momento aos computadores do tipo netbook, mais simples e baratos, cuja principal função é a de navegar na internet e que têm grance sucesso comercial.

O Chrome OS será um concorrente direto do Windows, o sistema operacional da Microsoft, utilizado por 90% dos computadores do mundo.

"A iniciativa é uma tentativa de repensar o que deveria ser um sistema operacional", afirma o Google em seu blog.

A gigante da busca na internet informou que abrirá o código fonte do Chrome OS, ao contrário do sistema Windows, e que os usuários de netbook poderão acessar ao sistema em meados de 2010.

O grupo já havia dado um passo neste sentido há duas semanas, com o anúncio da adaptação para os computadores doprograma Android, um sistema operacional concebido para otimizar a navegação na internet nos telefones celulares.

Mas o Google preferiu criar um software operacional específico para computadores, ao invés de adaptar o Android.

O Google Chrome OS estará abrigado no novo navegador de internet do grupo, também chamado Chrome, que foi lançado em setembro de 2008 para competir contra outro produto estrela da Microsoft: o Internet Explorer.

A empresa definiu o sistema operacional como "veloz, simples e seguro", com uma interface mínima e garantia de acesso a internet em poucos segundos.

O Google lançou nos últimos anos vários serviços on-line gratuitos (e-mail, calendários, planilhas, processadores de texto e de fotos, entre outros) para concorrer com os programas da Microsoft.

Até o momento, no entanto, a empresa não obteve com o navegador Chrome o mesmo êxito que com sua ferramenta de buscas na internet.

leb-ao/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG