Gestão de Taro Aso é aprovada por apenas 21% dos japoneses

Tóquio, 29 dez (EFE).- O nível de aprovação do primeiro-ministro do Japão, Taro Aso, caiu 10 pontos em relação ao número do mês de novembro para 21%, segundo a pesquisa realizada pelo jornal econômico Nikkei.

EFE |

Cerca de 49% dos indagados citaram a falta de liderança como a principal razão para não apoiar Aso.

O nível de rejeição cresceu 11 pontos para 73%, o que reflete o grau de insatisfação do público com o atraso do Governo em sua gestão da deteriorada economia e o aumento do desemprego.

O nível de rejeição superou 70% apenas em quatro ocasiões no passado, duas vezes em 1993 durante a última fase do mandato de Kiichi Miyazawa, e em duas ocasiões durante o Governo de Yoshiro Mori, em 2000 e 2001.

Ambos os ex-primeiros-ministros abandonaram o Governo quando seu nível de desaprovação tinha superado 70% em duas sucessivas pesquisas do "Nikkei". EFE fab/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG