Geórgia conta com apoio da UE na reunião de cúpula de Bruxelas, disse Saakashvili

A Geórgia confia no apoio da Europa na crise com a Rússia durante a reunião de cúpula extraordinária da União Europeía (UE) de segunda-feira em Bruxelas, declarou neste domingo o presidente da república caucásica, Mikhail Saakashvili.

AFP |

"Espero que a Europa apóie nossa integridade territorial e diga que não reconhecerá jamais essas ações ilegais", disse Saakashvili em uma mensagem dirigida à nação, segundo o site da internet oficial da Presidência georgiana.

"Não sei exatamente o que acontecerá em Bruxelas amanhã (segunda-feira), mas sei que é o começo de um grande processo", ressaltou.

Tblisi espera que os europeus adotem em sua reunião de cúpula de segunda-feira uma declaração firme sobre a decisão da Rússia de reconhecer as regiões separatistas georgianas pró-russas da Ossétia do Sul e da Abkházia.

Dezenas de milhares de georgianos deverão participar nesta segunda-feira de manifestações em Tblisi e nas principais cidades da república caucásica para denunciar da "agressão russa" contra seu país.

Rússia e Geórgia se acusam mutuamente de terem provocado o atual conflito. Moscou lançou uma ampla ofensiva no dia 8 de agosto depois que as forças georgianas tentaram retomar o controle da Ossétia do Sul.

na-mm/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG