A Geórgia acusou nesta quarta-feira a Rússia de iniciar uma agressão militar em larga escala com seus planos de aumentar as tropas nas regiões separatistas georgianas de Abkhazia e Ossétia do Sul.

"É difícil acreditar que isto é feito com propósitos de manutenção da paz. É mais o início de uma agressão militar em larga escala", disse à AFP o ministro georgiano das Relações Exteriores, David Bakradze.

A Rússia anunciou na terça-feira o aumento de sua presença militar na Abkhazia e Ossétia do Sul, dois territórios separatistas da Geórgia, alegando manobras agressivas por parte do governo pró-ocidental desta república do Cáucaso.

loc-mar/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.