General da Otan diz que Isaf precisa de mais 6 mil soldados no Afeganistão

Berlim, 22 jun (EFE).- A força internacional de tropas enviada para o Afeganistão para cumprir a missão da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) precisa de cerca de mais 6 mil soldados, afirmou hoje o general alemão na Otan Egon Ramms.

EFE |

"Precisamos destes soldados agora e muito em breve", disse o general alemão para a emissora pública de rádio de seu país "Deutschlandfunk".

Além disso, afirmou que merece ser celebrada a anunciada decisão das autoridades alemãs de aumentar seu contingente no Afeganistão dos 3.500 homens atuais para cerca de 4.500 soldados, decisão que será sancionada pelo Bundestag (Câmara Baixa do Parlamento alemão) proximamente.

Finalmente ele afirmou que os 200 soldados de uma unidade de intervenção imediata alemã que será enviada no dia primeiro de julho para o norte do Afeganistão deverá "cumprir uma missão de combate".

EFE jcb/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG