Gays da Califórnia trocam presentes de casamento por doações

Por Jill Serjeant LOS ANGELES (Reuters) - Gays e lésbicas que selam o matrimônio na Califórnia estão abrindo mão dos tradicionais presentes de casamento para incentivar seus amigos e parentes a contribuírem com doações em dinheiro para uma campanha de oposição a uma medida que tornaria ilegal suas uniões.

Reuters |

Um mês depois de a Califórnia ter começado a casar oficialmente parceiros do mesmo sexo, milhares de dólares que poderiam ter sido gastos em torradeiras e jogos de talheres para os noivos acabaram sendo doados a uma campanha contra o plebiscito estadual de novembro que tenta definir o casamento somente como a união entre um homem e uma mulher.

'Muitos casais que se casam estão juntos há muito tempo.

Eles já moram juntos e alguns deles criam filhos juntos', afirmou John Duran, presidente do grupo Equality California.

'Então, o conceito tradicional de uma grande festa ou de ganhar seu primeiro microondas está sendo deixado de lado.

Muitos desses casais estão pedindo a seus amigos e parentes que visitem nosso site a fim de que consigamos preservar esses casamentos.'

A Suprema Corte da Califórnia derrubou, em maio, a proibição para que pessoas do mesmo sexo se casassem, fazendo do Estado o segundo do país, depois de Massachusetts, a permitir uniões do tipo. Os opositores ao casamento gay esperam suplantar a decisão dos juízes com uma vitória na eleição de novembro.

Segundo Duran, o site de presentes de casamento do Equality California havia arrecadado dezenas de milhares de dólares nas últimas três semanas a fim de combater a manobra eleitoral.

Dezenas de hotéis, fotógrafos e organizadores de bufê que trabalham com a comunidade gay prometeram doar entre 10 e 50 por cento de seu faturamento à campanha quando seus serviços forem requisitados para casamentos.

O ator George Takei, mais conhecido por interpretar o personagem capitão Sulu na série de TV 'Jornada nas Estrelas', e o parceiro dele, Brad Altman, contam-se entre os casais que defendem essa idéia.

'Eu e Brad estamos juntos há 21 anos. Então, já temos nossas torradeiras e nossos processadores. O que iríamos fazer com mais eletrodomésticos?', perguntou Takei, de 71 anos, que pretende casar-se com Altman em setembro, em Los Angeles.

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG