Moscou, 13 nov (EFE).- O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Robert Gates, qualificou hoje de provocação as ameaças russas de posicionar foguetes táticos Iskander no enclave báltico de Kaliningrado.

"Essas afirmações provocadoras são desnecessárias", disse Gates, em entrevista coletiva em Tallinn, na capital da Estônia, segundo o jornal digital "Gazeta.ru".

Gates, que participou hoje das consultas Otan-Ucrânia na capital estoniana, disse que os planos russos não são "as boas-vindas que merecem a nova Administração americana" do presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama. EFE io/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.