Uma gangue imobilizou um adolescente de 14 anos na cidade de Bristol (sudeste) e o atacou com uma cobra, fazendo o réptil picá-lo no braço, informou a polícia britânica.

Segundo a polícia, a agressão teria motivações raciais, pois o adolescente foi alvo de comentários discriminatórios.

A cobra, um píton de 1,2 metro, não era venenosa.

tha/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.