Gabinete de ministros decide operação cirúrgica de Evo Morales

O gabinete de ministros do presidente boliviano, Evo Morales, discutirá na quarta-feira a melhor data para uma operação cirúrgica do governante, que sofre com uma obstrução nasal e fortes dores de cabeça e está sendo tratado por médicos cubanos, informou o governo nesta terça-feira.

AFP |

"Certamente amanhã (quarta-feira) trataremos deste tema em uma reunião de gabinete (...). A operação será programada para a data mais breve possível", afirmou o vice-ministro de Coordenação Governamental, Sacha Llorenti, citado pela agência oficial de notícias ABI.

Llorenti explicou que o mal-estar de Morales não impedirá que ele viaje para Caracas na quarta-feira, onde assinará acordos comerciais com o presidente venezuelano Hugo Chávez, seguindo depois para São Salvador, para participar até sexta-feira da Cúpula Iberoamericana.

Morales suspendeu alguns compromissos oficiais nos últimos dias devido às fortes dores de cabeça causadas pela obstrução nasal.

    Leia tudo sobre: evo morales

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG