Gabão presta última homenagem a Omar Bongo

Dacar, 16 jun (EFE).- O povo gabonês se despediu hoje do presidente Omar Bongo, em um funeral que teve a presença de chefes de Estado e de Governo de 15 países africanos, do presidente da França, Nicolas Sarkozy, e de dezenas de delegações do resto do mundo.

EFE |

A presidente interina do Gabão, Rose Francine Rogombe, o primeiro-ministro do país, Jean Eheghe Ndong, e o filho mais velho de Bongo, Ali, estão entre os que discursaram na cerimônia.

"Omar Bongo era um homem de diálogo que soube unir os filhos do Gabão em torno de um projeto: o desenvolvimento econômico e social do país", disse Rogombe.

Considerado como possível candidato à sucessão presidencial, Ali Bongo terminou seu discurso com "o compromisso de seus filhos e (o resto) da família de manter acesa a chama sagrada da harmonia, do entendimento republicano e da união nacional".

Um desfile militar na capital do país encerrou o funeral, que começou com uma homenagem das delegações estrangeiras e a celebração ecumênica com ritos cristão e muçulmano.

O corpo de Omar Bongo será levado ainda hoje a Franceville, capital da região onde nasceu e onde será enterrado na quinta-feira, em cerimônia familiar. EFE st/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG