Cúpula dos pobres em Mali - Mundo - iG" /

G8: mais de mil pessoas esperadas na Cúpula dos pobres em Mali

Mais de mil pessoas são esperadas a partir de domingo em Koulikoro (50 km a leste de Bamako) para participar da Cúpula dos pobres organizada por representantes da luta contra a globalização, paralelamente à Cúpula do G8 no Japão, anunciaram nesta sexta-feira os organizadores do evento.

AFP |

"Queremos mais uma vez demonstrar que um outro mundo é possível", declarou à AFP Barry Aminata Touré, presidente da Coalizão das alternativas dívida e desenvolvimento (CAD-Mali), que organiza a sétima edição deste encontro.

"A palavra será dada aos camponeses africanos, às mulheres do continente, aos jovens do continente. Não vamos deixar nosso destino nas mãos dos países ricos", afirmou.

"Vamos também falar do fracasso das políticas em termos de educação nos países do sul, do endividamento em massa e pesado do continente e das falsas promessas de aumento da ajuda pública ao desenvolvimento", continuou.

A "Cúpula dos pobres" é um contraponto à Cúpula do G8 que reúne os chefes de Estado dos países mais industrializados entre 7 e 9 de julho, em Toyako (Japão).

Esta cúpula contra a globalização é definida por seus organizadores como o Fórum dos povos, um espaço de reforço ao movimento social do Mali e da África. Ela é parte integrante do Fórum Social Mundial (FSM).

Segundo Touré, mais de mil pessoas vindas da África, da Europa e da Ásia são esperadas em Koulikoro entre 6 e 9 de julho.

sd/ag/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG