G8 e países emergentes tentam encontrar soluções para reduzir pobreza na África

Ministros do G8 e das economias emergentes retomaram suas negociações neste domingo para discutir as medidas destinadas a reduzir a pobreza na África e em outras regiões seguindo os compromissos das Metas de Desenvolvimento do Milênio, no segundo dia de uma reunião em Tóquio.

AFP |

Os ministros do Desenvolvimento do Grupo dos Oito países mais industrializados realizam reuniões com seus pares de países emergentes, Brasil, México, China, Índia, Indonésia, Malásia, Coréia do Sul e África do Sul.

Os países do G8 -Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha, Itália, Japão e Rússia- deverão divulgar um resumo neste domingo no qual indicarão como aumentarão seus esforços de ajuda ao desenvolvimento.

O desenvolvimento no continente africano será a princípio um dos grandes temas da próxima reunião de cúpula do G8, que será realizada em julho no Japão.

Os ministros e autoridades responsáveis por programas de desenvolvimento reunidos em Tóquio prometeram continuar trabalhando para cumprir as Metas de Desenvolvimento do Milênio, adotadas pelos líderes mundiais durante uma reunião de cúpula em 2000 em Nova York com o objetivo principal de reduzir pela metade a pobreza no mundo antes de 2015.

kh/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG