G8 deixa a crise dos alimentos de lado para desfrutar das delícias japonesas

Os líderes mais poderosos do planeta deixaram de lado suas preocupações com a crise dos alimentos e a fome mundial para desfrutar de um banquete de delícias japonesas em Hokkaido, cidade japonesa conhecida mundialmente por seus delilciosos pescados e mariscos.

AFP |

Os chefes da Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha, Itália, Rússia e Japão tiraram os sapatos e se sentaram em tatamis na noite de segunda-feira para um jantar de gala que marcou o início de sua reunião de cúpula de três dias.

O jantar começou com champanhe francês e saquê japonês e entradas de milho recheado com caviar e salmão defumado, minitortas de cebola, bulbos de lírio e ouriço do mar.

Demostrando suas habilidades com os hashis, os palitinhos japoneses, os líderes mundiais também comeram carne de vaca fria de Kyoto, conhecida como "shabu-shabu", pedaços de atum cru, caranguejos "peludos" ou "kegani" e sopa de caranguejos do Mar de Okhost, litoral russo, servidos numa bandeja em forma de leque.

Entre os pratos principais figurava uma caçarola de cordeiro temperado com ervas e mostarda, assim como cordeiro assado com cogumelo e trufas negras e regado com vinhos franceses, californianos e húngaros.

Para terminar, foram servidas diversas sobremesas, como queijos, mel de lavanda e nozes caramelizadas.

As primeiras-damas desfrutraram de uma tradicional cerimônia japonesa de chá e receberam aulas de como vestir um quimono e escrever a grafia japonesa.

si-lbc/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG