G77 diz que anúncio dos EUA sobre financiamento é bom sinal mas insuficiente

O anúncio de uma contribuição dos Estados Unidos para um fundo de combate ao aquecimento global de 100 bilhões de dólares por ano daqui a 2020 é um bom sinal, porém insuficiente, declarou nesta quinta-feira o sudanês Lumumba Stanislas Dia-Ping, cujo país preside atualmente o G77, que reúne as 130 nações em desenvolvimento do planeta.

AFP |

"É um bom sinal, mas continua sendo insuficiente", afirmou em entrevista coletiva.

"Muitas questões ainda não foram resolvidas, temos que analisar os detalhes", acrescentou.

A secretária de Estado americana Hillary Clinton prometeu na manhã desta quinta-feira em Copenhague uma participação financeira - não especificada - de seu país a um fundo de 100 bilhões de dólares por ano daqui a 2020 para combater o aquecimento global, mas impôs como condições "ações significativas" e verificáveis dos países emergentes.

ri/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG