LONDRES (Reuters) - Países que integram o G20, cujos ministros de Finanças se reunirão em Londres no final desta semana, acreditam que a economia mundial está se estabilizando, afirmou uma fonte do governo britânico na quarta-feira. A autoridade disse que dados recentes, particularmente na zona do euro, mostraram que nós (do G20) estabilizamos a economia global... mas todo mundo pensa que é certamente muito cedo para declarar a vitória.

É muito cedo para os governos suspenderem medidas adotadas para lidar com a crise econômica global, segundo a fonte.

"O sentimento geral é de que as medidas de suporte precisam ser mantidas até que a recuperação esteja garantida", afirmou a autoridade.

A reunião do G20 deve focar as conversas em maneiras para ajudar a garantir a recuperação nas economias mundiais, informou o ministro de Finanças da Grã-Bretanha, Alistair Darling, nesta quarta-feira.

Em uma carta aos colegas do G20, Darling propôs que os formuladores de política devem se concentrar "na atual conjuntura macroeconômica e mais respostas necessárias para garantir a recuperação."

Ele também escreveu que os formuladores de políticas precisam conversar sobre remuneração no setor bancário.

"Nós precisamos discutir sobre tomar mais ações sobre pagamento e compensação de executivos".

Ministros de Finanças e representantes dos bancos centrais das principais economias desenvolvidas e em desenvolvimento se reunirão em Londres nos dias 4 e 5 de setembro.

(Reportagem de Sumeet Desai)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.