Furacões Gustav e Ike provocam prejuízo de US$5 bilhões em Cuba

HAVANA (Reuters) - Os furacões Gustav e Ike causaram cerca de 5 bilhões de dólares de prejuízos à economia cubana, com fortes efeitos sobre a agricultura e a infra-estrutura civil, disse o governo em uma avaliação preliminar publicada pela imprensa local na terça-feira. Gustav passou pela ilha no dia 30 de agosto, enquanto Ike varreu a ilha entre domingo e terça-feira da semana passada, derrubando árvores e postes com seus fortes ventos e chuvas, causa de inundações consideráveis.

Reuters |

'Avaliações muito preliminares dos danos causados em menos de 10 dias, que atingiram todo o território nacional, mostram que ambos os furacões totalizam uma dívida de cerca de 5 bilhões de dólares', disse um informe divulgado no Granma.

As autoridades cubanas disseram que 'a ação combinada dos furacões Gustav e Ike(...) são, sem dúvida nenhuma, a mais devastadora na história destes fenômenos meteorológicos em Cuba, em relação à magnitude dos manos materiais que ocorreram'.

Cuba registrou sete mortos depois da passagem dos furacões e disse que cerca de 3,2 milhões de pessoas foram retiradas de suas casas. A produção de açúcar foi afetada, devido à inundação das plantações.

(Por Nelson Acosta)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG