(Atualiza com aumento de categoria do furacão). México, 29 ago (EFE).- O furacão Jimena passou, durante a tarde de hoje, para categoria de intensidade dois, na escala de Saffir-Simpson, que vai até cinco, na costa mexicana no Oceano Pacífico, informou o Serviço Meteorológico Nacional (SMN).

"Jimena" passou hoje de tempestade tropical para furacão de categoria um e, às 18h, no horário de Brasília, passou para intensidade dois, com ventos sustentados de 165 km/h e sequências de 205 km/h, indicou o SMN em seu boletim das 19h (horário de Brasília).

O furacão se aproximou da costa mexicana e se encontra a 380 quilômetros ao sudoeste de Lázaro Cárdenas, no estado de Michoacán, e a 400 quilômetros ao sudoeste de Zihuatanejo, em Guerrero, acrescentou o SMN.

Seu índice de periculosidade é considerado "forte" e a zona em alerta abrange as costas dos estados de Guerrero, Michoacán, Colima e Jalisco, que apresentam grandes ondas, vento e chuva, de acordo com o SMN.

O serviço prevê que, nas próximas horas, "Jimena" continuará ganhando força "e pode chegar a ser um furacão maior nas seguintes 24 a 48 horas".

O organismo recomenda precaução à população dos estados do sul, oeste e centro do país "por chuvas fortes a intensas, com inundações em partes baixas e deslizamentos de terra em zonas de montanhas".

Além disso, recomenda precaução a toda navegação marítima nas imediações do furacão, devido a fortes chuvas e grandes ondas. EFE gt/pd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.