NOVA YORK - O furacão Omar ganhou um pouco mais de força na costa leste do Caribe, na quarta-feira, ao se dirigir para as ilhas Leeward, ao norte, informou o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos, em seu relatório das 9h. A tempestade tropical, localizada a cerca de 425km a sul/sudoeste de San Juan, Porto Rico, ainda é um furacão de categoria 1.

Omar é a 15a tempestade tropical da temporada Atlântica e pode chegar à categoria 2 da escala Saffir-Simpson de furacões, com ventos de pelo menos 155km por hora, ao se aproximar de Porto Rico e das ilhas Leeward, ainda na quarta-feira ou no começo de quinta, segundo o Centro.


Foto de satélite mostra Omar ao sul de Porto Rico na última terça-feira / AP

Enquanto isso, a Depressão Tropical 16, no oeste do Caribe, ainda se move devagar na direção oeste, ao longo da costa de Honduras, com ventos de cerca de 48,26 quilômetros por hora.

O sistema ainda pode ganhar força e se transformar na tempestade tropical Paloma, antes de chegar à terra firme, o que deve acontecer amanhã ou por volta disso.

Não há, porém, nenhuma ameaça às áreas produtoras de petróleo e gás no Golfo do México.

O Centro Nacional de Furacões vai divulgar novos relatórios sobre ambas as tempestades ainda na quarta-feira.

Leia mais sobre tempestade tropical

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.