Furacão Jimena aproxima-se de balneário mexicano

Por Susy Buchanan LOS CABOS, México (Reuters) - O furacão Jimena, classificado como uma tempestade extremamente perigosa, movia-se na terça-feira rumo à península da Baixa Califórnia, no oeste do México.

Reuters |

Os ventos do furacão chegaram a uma velocidade de 250 km por hora, pouco abaixo da marca de uma tempestade de categoria 5, segundo o Centro Nacional de Furacões dos EUA. Furacões com essa força, categoria 5, representam a mais forte intensidade na escala Saffir-Simpson e podem ser devastadores.

"Eu nunca vi uma tempestade como essa em 23 anos que vivo aqui", disse Caterina Acevedo, moradora de Los Cabos, um famoso balneário da região.

O México emitiu um alerta de furacão para a área. Grande parte da Baixa Califórnia é formada de deserto e montanhas pouco povoadas, mas Los Cabos é uma movimentada área de resorts frequentada por turistas americanos por seus campos de golfe, hotéis de alto nível, praias e iates.

O Centro de Furacões prognosticou enchentes e alertou: "Os preparativos para proteger vidas e propriedades devem ser agilizados para serem concluídos."

O México, um importante produtor de petróleo, não possui instalações no oceano Pacífico. Mesmo assim, os portos da área começaram a ser fechados devido ao Jimena, que ganhou força rapidamente no fim de semana.

(Reportagem adicional de Jason Lange em Los Cabos)

    Leia tudo sobre: furacão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG