Furacão Ike paralisa produção de petróleo no Golfo do México

HOUSTON - A retomada da produção de petróleo e gás natural de plataformas petrolíferas foi paralisada no domingo, em preparação para a chegada do Furacão Ike, que deverá entrar no Golfo do México na terça-feira. Os funcionários de plataformas de petróleo e gás natural no Golfo do México que começaram o retorno às plataformas e a retomada da produção depois do Furacão Gustav estão agora começando a tomar precauções para o Furacão Ike, disse o Serviço de Administração de Minerais dos EUA em nota divulgada no domingo.

Reuters |

O maior produtor da região, a Shell Oil Co, disse no sábado que limitaria o envio de funcionários às plataformas ao mínimo necessário para o início da retomada da produção.

A empresa tem 1.400 funcionários em plataformas na área, e mandou apenas 615 de volta.

'Ao manter o pessoal em um nível mínimo, podemos fazer a nova evacuação de forma eficiente, case necessário', disse a Shell em nota.

O Ike deverá ser, segundo previsões, um furacão poderoso e destrutivo que atingirá o Golfo esta semana. Sua chegada à costa ocorrerá em algum lugar entre Pensacola, Flórida, e a fronteira entre o Texas e o México, colocando as refinarias da Costa do Golfo nos Estados Unidos também em risco.

Até a tarde de domingo, o Ike era uma tempestade de categoria 4, com ventos de 215 km/h atravessando as Bahamas e indo na direção de Cuba, onde centenas de milhares de pessoas estavam se dirigindo para áreas mais distantes do litoral.

Leia mais sobre: furação Ike

    Leia tudo sobre: furacão ike

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG