Furacão Hanna mata 19 no Haiti

Pelo menos 19 pessoas morreram nesta terça-feira, em diversas cidades do Haiti, devido à passagem do furacão Hanna, informaram as autoridades locais.

AFP |

Em Gonaïves, 150 km ao norte de Porto Príncipe, 10 pessoas morreram na inundação provocada pelo transbordamento de três rios da região, revelou um oficial da polícia.

"É uma avaliação parcial. Não é possível entrar em Gonaïves neste momento", disse o prefeito da cidade, Stephen Moïse.

Em Gros-Morne, na região de Gonaïves, duas pessoas morreram na enchente causada por Hanna.

No sul do Haiti, houve pelo menos 7 mortes ligadas à passagem do furacão, segundo um parlamentar, que qualificou a situação de "extremamente difícil" para a população de diversas cidades inundadas.

A pequena cidade de Port-à-Piment está sob as águas, informou à AFP seu prefeito, Germeille Dieuseul, por telefone. "Não temos perdas de vidas humanas, graças a Deus, mas os prejuízos são enormes".

Hanna provocou fortes chuvas no Haiti, onde na semana passada o furacão Gustav deixou 77 mortos.

Após perder força, Hanna se transformou em tempestade tropical, com ventos de 100 km/h, informou nesta terça-feira o Centro Nacional de Furacões (NHC), sediado em Miami (Flórida).

cre/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG