CABUL - Uma funcionária sul-africana de uma organização humanitária foi assassinada nesta segunda-feira na zona oeste de Cabul por homens que viajavam em uma moto, anunciou o ministério do Interior afegão.

"Às 7H00, dois homens armados que circulavam de moto mataram uma mulher ocidental que trabalhava para uma organização não governamental (ONG) no terceiro distrito de Cabul", declarou à AFP Zalmay Bashary, porta-voz do ministério.

Como a África do Sul não tem embaixada no Afeganistão, a representação diplomática do país no vizinho Paquistão tenta obter informações a respeito.

Uma fonte da ONG Serve Afghanistan confirmou à AFP que um de seus membros foi assassinado em Cabul, mas não divulgou detalhes.

A Serve Afghanistan é uma ONG cristã britânica, especializada na ajuda aos deficientes.

br-thm/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.