Fujimori é internado para exames

Lima, 5 set (EFE).- O ex-presidente do Peru Alberto Fujimori começou hoje a ser submetido uma bateria de exames em Lima, os quais, segundo seu filho Kenyi, se estenderão por três dias e vão determinar a natureza de um cisto.

EFE |

Fujimori chegou na tarde desta sexta-feira ao Instituto Nacional de Doenças Neoplásicas (INDN), onde vários jornalistas o esperavam.

Apesar do cerco da imprensa, a ambulância blindada que transportava o ex-presidente conseguiu dibrá-lo ao entrar no centro médico por uma porta traseira.

Os exames que serão realizados foram ordenados depois que um cisto de 1,5 centímetro de diâmetro foi detectado no pâncreas de Fujimori.

Na entrada do INDN só haviam cinco simpatizantes do ex-chefe de Estado peruano, que está sendo processado por violação dos direitos humanos.

Kenyi Fujimori explicou aos jornalistas que, até domingo, seu pai fará tomografia, ressonância magnética, exame de sangue e outras análises.

No entanto, o filho do ex-presidente peruano não soube dizer até quando o pai ficará internado ou será transferido.

"Ele está tranqüilo, sereno", disse Kenyi, que atribuiu os problemas de saúde de Fujimori "ao tipo de regime fechado ao qual ele foi submetido" antes do atual. Um regime de "morte lenta", acrescentou. EFE fjo/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG