Francês bate recorde mundial ao falar 124 horas sem parar

O francês Lluis Colet, de 62 anos, bateu neste sábado, em Perpiñán, o recorde mundial do discurso mais longo, ao falar sem interrupção durante 124 horas, ou seja, cinco dias e quatro noites.

AFP |

Colet, funcionário municipal e guia do Museu das Artes e Tradições Catalãs, quebrou o recorde anterior, de um indiano que faou durante 120 horas.

Colet começou a falar na segunda-feira, dia 12 de janeiro, as 10H00, e acabou neste sábado, às 14H00. Neste tempo, durante o qual foi acompanhado por um médico, Colet não pôde dormir e só se alimentou com comida leve, com o objetivo de não interromper seu discurso.

Este francês já havia quebrado o recorde mundial em 2004, depois de falar ininterrumpidamente durante 48 horas.

Nessas 124 horas, Colet alternou textos e poemas de grandes autores com escritos pessoais, e dedicou muito tempo a Salvador Dalí, um artista que venera, e à cultura catalã, a qual defende ardentemente.

"É um grande dia para mim e dedico este recorde a todos aqueles que defendem a cultura e a língua catalãs", declarou Colet depois de quebrar o recorde, quase afônico e visivelmente cansado.

O recorde permitirá que Colet entre para o Livro Guinness.

cor-ar/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG