França teria quase 3 mil novos casos de gripe A por semana

Paris, 24 ago (EFE).- A França registraria ao redor de três mil novos casos de gripe A por semana de acordo com o sistema de avaliação recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), informou hoje a ministra de Saúde francesa, Roselyne Bachelot.

EFE |

Segundo a ministra, a cifra é uma estimativa, pois o novo sistema, ao contrário do utilizado até agora na França, não contabiliza cada contágio, nem se baseia nas análises realizadas, mas consiste "em uma medida populacional de casos".

Na semana passada, o país registrou 1.223 casos confirmados ou prováveis da gripe A, segundo o método de cálculo utilizado até agora, enquanto com o novo esse número seria de três, explicaram fontes ministeriais à Agência Efe.

O sistema recomendado pela OMS se baseia no número de consultas médicas feitas por qualquer tipo de sintomas de gripe, das quais apenas 15% estariam relacionadas diretamente com o vírus A(H1N1).

O cálculo também inclui os pacientes atendidos em emergências hospitalares e o acompanhamento das internações relacionadas com o vírus.

A estimativa não leva em conta, obviamente, os doentes que não tenham consultado um médico ou não tenham ido a um hospital.

Bachelot fez estas declarações em entrevista coletiva na qual apresentou as recomendações do Governo francês para prevenir o contágio pelo vírus A(H1N1), que começarão a ser divulgadas a partir de amanhã.

A ministra acrescentou que, para a luta contra o vírus da nova gripe, a França prepara o lançamento de uma campanha de vacinação que será "a maior já realizada no país e no mundo".

Segundo fontes ministeriais, o Governo quer propor a vacinação "ao conjunto da população" de maneira progressiva, entre outras razões porque será necessário "determinar uma ordem" para fazê-lo.

Foi confirmada hoje mais uma morte por causa da gripe A na França, correspondente a uma mulher de 56 anos que sofria de diversas doenças crônicas, o que eleva para dez o total de vítimas fatais do vírus A(H1N1) no país. EFE lg/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG